Sobre

Manifesto

Poucas produtoras conhecem e valorizam a alma brasileira como a CINE.

Ao longo de mais de duas décadas de produção, esse orgulho do jeito brasileiro de ser é uma marca registrada da casa, assim como a precisa direção de atores. Essa brasilidade é traduzida em vários comerciais que fazem parte da história da publicidade brasileira.

Fundada em 1994 pelo diretor Clovis Mello e o produtor Raul Doria, a CINE se mantém entre as três produtoras brasileiras mais premiadas no Brasil e no exterior há duas décadas. Para citar alguns prêmios, são oito Leões em Cannes, 12 Profissionais do Ano da Rede Globo, dois Prêmios Caboré, além de Medalhas no London Festival, Clio, One Show e New York Festival.

Em 2014, o indicador inglês "Gunn Report" classificou a CINE entre as produtoras mais importantes de filmes do mundo. A revista "Meio & Mensagem", em conjunto com a "Advertising Age", apontou a CINE como a melhor produtora do Brasil em 2014. Esta performance permitiu que a produtora construísse relações sólidas e duradouras com as principais agências e anunciantes do Brasil.

No início desta década, a CINE ampliou sua atuação na área de conteúdo, com destaque para os trabalhos: o documentário de longa-metragem Coração Vagabundo, premiado nos Festivais de Roma e Barcelona, o curta-metragem Sildenafil, premiado nos Festivais do Rio, Miami e Toronto, e o documentário Jair 30, este em conjunto com a Som Livre. Em novembro de 2015, lançou o longa da ficção "Ninguém Ama Ninguém... por mais de dois anos", baseado na obra do escritor Nelson Rodrigues. Ambientado nos anos 60, o filme apresenta cinco estórias que se cruzam e foram estreladas por Gabriela Duarte, Marcelo Farias, Julianne Trevisol e Luana Piovani, entre outros.

CINE X

A CINE X é o braço de criação digital e pós-produção. E por estar aqui na nossa casa, juntinho, traz conforto e segurança para a execução das produções.

2

Caboré

12

Profissionais do ano

8

Cannes Lions